O Segundo da Mudança (música – LR; letra – MD)

Acordes: estrofe (ré sol sol- ré 2x)
ponte (ré- lá- sib dó ré sol lá)
refrão (ré sol lá 3x) (ré sol dó ré sol lá ré sol lá sol ré sol sol- ré)

Um sopro que se pede
O medo, de tudo ter sido em vão
Alguém que chora p’ra voltar a ter
E pensa, que não consegue esquecer
Perceber um dia que é preciso crescer
Que temos um mundo bom e mau
É só escolher...

Tentemos então
Ganhar coragem p’ra rir
Desta nossa vida
Que um dia nos quis magoar
E assim ser alguém
Que agrarra como quem, não quer largar

Acreditar que existe um caminho
Que os sonhos se perdem
A vontade de sonhar não
Uma nova forma de olhar à volta
Como quem sente como ouve uma canção
Amar o que nos é dado para viver
Se fosse possível não sofrer
Seria impossível querer...