Este grito d’alma (música – MD; letra – M.Campos)

Acordes: intro (lá- sidim dó ré7 fá sol dó fá)
estrofe (dó ré- fá sol 4x)
ponte (fá sol)
refrão (fá sol dó lá- 2x) (fá mi7 dó lá- fá sol fá) dó

Esta dor que nos desperta, e nos surge pela vida
É como uma frida aberta, uma luz em nós escondida
Para descobrir mais e mais além
Para ser genuíno e crescer
Encontramos sempre em alguém, o sentido do nosso viver

É o sermos simples, é pôr a vasta alma em curtos versos
E no nosso caminho, de passos incertos
Lembrar histórias, descomplicadas
Nós, o Senhor e as pagadas...

Ver assim o mundo à beira-mar...
Num passeio contigo Senhor
Sermos simples e continuar
Com tal longevidade e ardor

Que quando a maré baixar...
Saberemos logo o que é o amor
A dádiva mais querida, que nos foi...
Foi concedida

E por isto e pelo resto, não consigo exprimir
Venho cá de dentro, agradecer-Te a Ti também
É que não é possível, definir toda esta paz...
Esta certeza... que nos modificou

A alegria... de Vos sentir